Tarapacá “La Isla” Sauvignon Blanc Terroir 2008 – Vale de Leyda

Tarapacá La Isla 2008 foi trazido do Chile em 11/2009. Importado pela Épice – SP.

O Guia Descorchados 2009 informa aquilo que muita gente já sabe: a Tarapacá foi comprada pelo grupo San Pedro, que entre outras linhas, produz os vinhos Santa Helena, muito conhecido dos brasileiros. Comandada pelo enólogo norte-americano Ed Flaherty, que já conseguiu que os vinhos alcançassem maior pontuação na edição do guia em questão. O Tarapacá La Isla Leyda Sauvignon Blanc 2008 já é fruto dessa união e pelo visto as coisas estão caminhando bem. O leitor deve aguardar porque brevemente essa tradicional vinícola chilena estabelecida no Vale de Maipo, mais precisamente em Isla de Maipo, lançará o seu primeiro “Super Premium”.

 

DSCF4698

O contra-rótulo:

“El Valle de Leyda, el cual mira desde lo alto al Océano Pacifico está ubicado em las zonas mas frías, donde los antigos suelos de granito de Cordillera de la Costa, junto com las condiciones climáticas, entregan notas minerales a los vinos que ahí se originan. La Isla, fue fermentado em tanques de acero inoxidable para exhibir lãs intensas cualidades y notas minerales de Leyda. Este vino presenta aromas y sabores cítricos, combinados com notas minerales em boca, posee uma crujiente acidez natural y sabores muy persistentes.”

 

Epice

Degustação

Tarapacá La Isla Sauvignon Blanc Terroir 2008 – Região: Leyda – Álcool: 13% – preço: R$ 36 (Santa Luzia – SP) – cor: palha claro com reflexos esverdeados. Nariz intenso com notas vegetais típicas da casta, leve apontamento cítrico sobre um fundo mineral. Na boca confirma o nariz e se destaca por conta de seu frescor e mineralidade. Tem profundidade gustativa e corpo médio. No fim-de-boca deixa um amargor vegetal dentro do aceitável. Poderia ser mais elegante, mas tem a favor de si a tipicidade. Obteve 92/100 pts. do Guia Descorchados 2009 com a rubrica “super preço” que aconselha que seja servido junto com “ostras”. Por sua estrutura e mineralidade poderá ser consumido sem atropelo até o fim de 2011. Trazido do Chile em novembro de 2009 por US$ 7, é um vinho comercializado no Brasil por R$ 36,00. Avaliação: 87/100 pts. +

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *