Série “a produção do vinho”. Principais sistemas de condução das videiras: Latada e Espaldeira

A videira é uma planta rasteira e precisa ser conduzida para seu melhor cultivo. Existem várias maneiras de condução da vinha. As mais comuns são:

Latada ou Pergolado: nesse sistema, as videiras são plantadas em sentido horizontal, como um caramanchão. Esse método normalmente tem rendimento elevado, com alta produtividade em detrimento da qualidade. Os cachos pendem para baixo e para dentro do caramanchão, ficando encobertos e menos expostos ao sol. A uva precisa de sol para seu melhor amadurecimento, são os raios solares que fixam os aromas, sabores e açúcar na fruta. Em regiões extremamente quentes e ensolaradas, pode ser interessante que os cachos fiquem parcialmente protegidos do sol, mas, em regiões úmidas, isso pode gerar amadurecimento insuficiente dos frutos. Esse problema é comum no Sul do Brasil, região de índice pluviométrico elevado, mas vem aos poucos sendo resolvido através do replantio utilizando o sistema espaldeira.

Espaldeira: nesse sistema, as videiras são plantadas em sentido vertical, em fileiras paralelas. É um dos melhores sistemas para obtenção de uvas de alta qualidade, sendo a paisagem mais comum dos vinhedos da Europa. Os cachos ficam bem expostos ao sol, livres do acúmulo de umidade, o que permite melhor maadurecimento dos bagos. Fonte: Adega Veja Volume 8

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *