Greywacke Malborough Sauvignon Blanc 2010

Os vinhedos da Nova Zelândia são os mais austrais do mundo, portanto, o país se constitui num dos mais frios para a produção de vinhos em larga escala. A indústria do vinho teve grande incremento à partir da década de 70 com o cultivo de vides européias: Sauvignon Blanc, Chardonnay e Pinot Noir, os vinhos dessas variedades começaram a ficar famosos por conta de sua elevada qualidade. Hoje, o país tornou-se referência por conta de seus brancos e dos Pinot Noir.

2015-02-06 18.55.49

O Contrarrótulo do Greywacke

“Named after New Zealands prolific bedrock, Greywacke (pron Greywacky) is the label of Kevin Judd, one of Malborough’s pionner winemakers whose career is intrinsically linked with the international profile of New Zealand wine. Grown on hilside vineyards in Malborough’s Southern Valleys, this is a deliciously fragrant wine with intense varietal expression. www.greywacke.com

2015-02-06 18.56.11

Degustação

Greywacke Sauvignon Blanc 2010 – região: Malborough – álcool: 13,5% – Casa Flora – Preço médio: R$ 130,00 –  cor palha claro, nariz exuberante com notas de flor de maracujá, frutas tropicais maduras sobre um fundo mineral de boa sustentação na taça. Na boca repetiu a mineralidade quase salina, bom corpo e sobretudo se destacou por seu frescor, acidez intensa, sugestões cítricas num longo, amplo e gostoso final. Avaliação: 90/100 pts.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *