D. V. Catena Cabernet Sauvignon “La Piramide Vineyard” 2010

2015-09-13 13.52.18

A Bodega Catena está estabelecida em Mendoza e foi a responsável por colocar a Argentina definitivamente no cenário internacional de vinhos eis que Nicolas Catena foi quem deu início à produção de vinhos de qualidade em grande escala. Resumidamente, Nicolas fez estudos e descobriu que ao cultivar determinadas cepas em altitudes diferentes os resultados eram positivos e foi assim que inseriu a Malbec no contexto dos grandes vinhos. Foi ele quem trouxe novos clones da França e dos EUA, amadureceu vinhos em pequenas barricas de carvalho francês, irrigação por gotejamento, enfim, a aplicação de tecnologia de vanguarda teve seu pioneirismo na sua vinícola, que sempre foi respeitada pela qualidade dos vinhos que produz tanto em nível interno como internacionalmente. Até hoje  os vinhos Catena são símbolo de qualidade.

2015-09-13 13.52.29

Degustação

D.V. Catena Cabernet Sauvignon “La Piramide Vineyard” 2010 – álcool: 14% – região: Mendoza – Agrelo/Luján de Cuyo – amadurecido 24 meses em barrica de carvalho francês 100% novas com uvas de um dos vinhedos mais altos da Argentina (950 metros – informação do contra-rótulo), é um tinto de cor vermelho-rubi profundo com intenso reflexo violáceo. No olfato despontam aromas concentrados, como notas de violetas, creme de cassis, framboesa e algum defumado acompanhadas por baunilha e tabaco aportadas provavelmente pelo longo amadurecimento em carvalho. Na boca, de impacto doce, estruturado e de grande complexidade, é amplo, com taninos suaves e redondos, de final largo e sobretudo de longuíssima persistência. Um tinto formidável, de invejável equilíbrio gustativo. Seu estilo discreto, o aproxima dos grandes Cabernets do Velho Continente. Acidez gastronômica. Aberto aos cinco anos, isso foi praticamente um “infanticídio viníco”, porque um caldo desse padrão só poderia ser aberto daqui no mínimo dois anos, com mais dez anos de garrafa pela frente. Um verdadeiro gigante platino, com a madeira por se integrar, mas com a fruta dando o ar de sua graça. Avaliação: 94/100 pts.++

2015-09-13 13.51.10

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterShare on LinkedIn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *